Quer vender em 4 marketplaces de uma só vez? Conheça a Americanas Marketplace

Você sabia que com a Americanas Marketplace você se cadastra para vender em um site e acaba vendendo em quatro? Ou seja, suas chances de vender mais produtos aumentam porque você tem à disposição outros e-commerces que são referência para apoiar seu negócio. Ok, mas por onde começar? Neste artigo você vai entender como funciona […]

Quer vender em 4 marketplaces de uma só vez? Conheça a Americanas Marketplace

ocê sabia que com a Americanas Marketplace você se cadastra para vender em um site e acaba vendendo em quatro? Ou seja, suas chances de vender mais produtos aumentam porque você tem à disposição outros e-commerces que são referência para apoiar seu negócio.

Ok, mas por onde começar?

Neste artigo você vai entender como funciona a Americanas Marketplace, quais os prós e contras, quanto a empresa cobra dos lojistas, como receber o dinheiro das suas vendas e os primeiros passos para começar suas vendas. Vamos nessa?

    O que é o Marketplace Americanas?

    Se você está se perguntando o que exatamente é o marketplace, aqui vai uma boa explicação:

    O marketplace é um espaço na internet onde estão reunidas diferentes empresas para vender seus produtos. Os compradores (usuários) têm à disposição produtos com diversos preços, características e valores de frete.

    Então, esse marketplace em específico é um espaço que reúne Americanas, Americanas Empresas (que vende produtos para outras empresas), Submarino e Shoptime. Sendo assim, quando você se cadastra no site principal para começar a vender, terá seus produtos replicados para os demais.

    A Americanas Marketplace, juntamente com o Shoptime e Submarino pertencem ao grupo B2W Marketplace, então antes de saber como vender na Americanas, é importante saber como funcionam as operações internas.

    Como vender no marketplace da Americanas?

    1. Enquadre-se em alguma das categorias

    Vender na Americanas Marketplace é para empreendedores de todos os tamanhos e segmentos. Seu negócio só precisa se enquadrar em uma dessas categorias: MEI, distribuidores, indústrias, lojas virtuais, lojas físicas ou ME.

    2. Tenha toda a documentação da empresa disponível

    Antes de começar, é necessário cadastrar sua empresa na Americanas Marketplace. O cadastro é simples, mas requer alguns documentos importantes. Caso contrário, seu cadastro não será aprovado.

    Diferente de marketplaces como Mercado Livre e Shopee, você precisa ter um CNPJ ativo para começar a vender na Americanas. Veja a lista de documentos solicitados no cadastro:

    • Apresentar CNPJ ativo e sem nenhuma restrição;
    • Ter CNAE (Classificação Nacional de Atividades Econômicas) de varejista no CNPJ. Veja como adicionar essa informação no CNAE;
    • Emitir nota fiscal eletrônica via Sintegra ou pelo site da Receita Federal, se for o caso de MEI;
    • Ter um certificado digital para assinar contratos digitalmente;
    • Ter contrato social com no mínimo R$1.000;
    • Possuir conta concorrente da empresa, ou seja, vinculada ao seu CNPJ;
    • Apresentar Certificado Negativo de Débitos (CND) — se não puder emitir essa CND, então, você terá um limitação no faturamento mensal.

    3. Cadastre-se na B2w

    Tendo todos os documentos necessários, é a hora de se cadastrar. Siga os passos abaixo:

    a. Acesse o site da Americanas Marketplace

    b. Clique em “Comece a vender”

    c. Insira os seus dados e da sua empresa

    d. Aguarde a aprovação da sua inscrição

    e. Configure sua loja, inserindo os produtos que vai anunciar nos sites da Americanas

    3. Integre sua loja virtual com o sistema de marketplace da Americanas

    Se você não tiver uma loja física ou mesmo virtual, não precisa se preocupar porque a Americanas Marketplace também é para você.

    Porém, se você tiver um e-commerce, as coisas serão ainda mais fáceis usando uma plataforma de vendas integrada. Dessa forma, ao vender cinco itens no marketplace, por exemplo, não é necessário atualizar nada na loja virtual, já que o sistema fará isso por conta própria.

    Além disso, essa integração possibilita que você não precise cadastrar todos os produtos novamente. Por isso, se você já tem uma loja virtual, entre em contato com a plataforma para entender como vai funcionar essa conexão.

    Quanto custa vender na Americanas?

    Para vender na Americanas você não precisa fazer nenhum investimento inicial. O cadastro é gratuito, ou seja, só é cobrada uma comissão quando você realiza alguma venda.

    Os valores cobrados pela Americanas Marketplace variam de acordo com o tipo de produto e vão de 12% a 19% sobre o valor do produto vendido. Essa taxa é cobrada para que você tenha um sistema, segurança e até mesmo avaliação de fraude.

    * Até o momento da edição deste artigo, essas eram as taxas informadas no site. Portanto, no site oficial da Americanas Marketplace é onde você vai encontrar informações sempre atualizadas.

    Como receber o dinheiro das suas vendas?

    Os pagamentos são realizados sempre nos dias 01 e 15 de cada mês, ou no próximo dia útil, caso a data caia no feriado ou final de semana.

    Os valores referentes às suas vendas serão depositados na conta corrente cadastrada, indicada por você no momento do cadastro.

    A data de pagamento só começa a valer depois que o pedido foi entregue ao transportador. Se o produto de fato foi entregue para o consumidor, então você vai receber sua comissão.

    Os pedidos entregues entre os dias 01 e 15 serão repassados a você no dia 01 do mês seguinte. Já os pedidos entregues entre os dias 16 e 31 serão repassados a você no dia 15 do mês seguinte. Caso a entrega não seja confirmada até um dia antes da data programada, o pagamento será apenas na outra quinzena.

    Quais são os prós e contras da Americanas Marketplace?

    Embora vender em 4 marketplaces ao mesmo tempo seja a maior vantagem, existem alguns pontos que você precisa considerar antes de começar.

    Vantagens:

    • Americanas, Americana Empresas, Submarino e Shoptime têm juntas mais de 1 bilhão de visitas de mais de 49 milhões de clientes;
    • A Americanas Marketplace oferece soluções completas que vão desde a publicidade a entrega;
    • Você tem à disposição diversos treinamentos para impulsionar seus resultados;
    • A Americanas cuida da entrega;
    • Mesmo que o cliente parcele, você recebe o valor integral da compra;
    • Facilidade do cliente comprar no site e retirar em loja física, se assim desejar;
    • Você pode oferecer o pagamento com cartão Americanas ou com Ame, por exemplo.

    Desvantagens:

    • Você não recebe o valor da venda automaticamente;
    • Comissão de 12% a 19% a depender do produto;
    • Os valores de frete podem ser altos, diferentemente do que aconteceria quando a entrega é efetuada pelos Correios;
    • Existe muita competição no marketplace;
    • Se seus preços não forem melhores, você pode acabar ficando para trás.

    E aí, será que vende a pena vender na Americanas?

    Vale a pena vender na B2W?

    A sugestão é avaliar com calma os produtos que você pretende oferecer no Marketplace como estratégia de atração de clientes para o seu negócio. É importante analisar os custos envolvidos e se no final do mês você está em linha com o crescimento esperado. No entanto, como você já viu, há benefícios que podem compensar para quem vende produtos de valores mais altos.

    Meu conselho é que você crie uma planilha e insira todos os custos envolvidos para vender na Americanas. Custos de fornecedores, embalagens, entrega, comissão e afins. Depois, faça um comparativo de quanto você teria de lucro se não contasse com a ajuda dos quatro sites.

    Só então após comparar que você vai poder responder: vale a pena vender na Americanas?

    Independente de qual for a sua escolha, não esqueça de medir os resultados e otimizar sempre que necessário. Afinal, marketplace pode ser bom, mas você precisa administrar!


    Download Midia Kit do Clube

    Qual é a sua reação?

    like
    0
    dislike
    0
    love
    0
    funny
    0
    angry
    0
    sad
    0
    wow
    0
    Clube de Negócios